Home Blog Pele

A ansiedade pode afetar a sua pele

Postado em: 07 de May

Algumas emoções têm o poder de refletir na pele e uma delas é a ansiedade. Ao contrário do que pensam algumas pessoas, não existe a separação entre corpo e mente, eles caminham juntos e um reflete no outro. Situações de estresse ou ansiedade podem afetar todos os órgãos do corpo humano, inclusive a...

continue lendo
Algumas emoções têm o poder de refletir na pele e uma delas é a ansiedade. Ao contrário do que pensam algumas pessoas, não existe a separação entre corpo e mente, eles caminham juntos e um reflete no outro. Situações de estresse ou ansiedade podem afetar todos os órgãos do corpo humano, inclusive a pele. Um pensamento insistente em busca de um corpo perfeito, medo da violência urbana ou insegurança, acaba desencadeando a ansiedade. De tão ansiosa com uma determinada situação ou obsessão, a pessoa pode passar a coçar insistentemente alguma região da pele ocasionando feridas e descamações. O distúrbio de ansiedade também esta intimamente relacionado, por exemplo, à queda de cabelo e à psoríase. No caso da psoríase, afecção crônica de causa ainda desconhecida, sabe-se que o estresse emocional e físico pode desencadear suas lesões. Há um aumento exagerado na produção de pele seguido de descamação, lesões avermelhadas e coceira variável. Nestes casos consultar um dermatologista é fundamental. Antes de ele prescrever um tratamento, irá conversar com o paciente para identificar a origem desse problema e só então indicar o tratamento adequado. É muito importante que o indivíduo busque reconhecer as causas que o levam a se sentir ansioso para tratar não só o resultado desse problema, mas também o que o desencadeou.
;