Home Blog Dicas

Como a menopausa afeta a saúde da pele, do cabelo e das unhas?

Postado em: 14 de outubro

Como a menopausa afeta a saúde da pele, do cabelo e das unhas? Veja as consequências das alterações hormonais no corpo da mulher Durante a menopausa , é comum que a pele se torne mais ressecada e sensível , também mais propensa ao aparecimento de rugas, manchas, e em alguns ca...

continue lendo

Como a menopausa afeta a saúde da pele, do cabelo e das unhas?

Veja as consequências das alterações hormonais no corpo da mulher

Durante a menopausa , é comum que a pele se torne mais ressecada e sensível , também mais propensa ao aparecimento de rugas, manchas, e em alguns casos até mesmo acne. Muitos dos sintomas da menopausa são consequência da interrupção da secreção hormonal dos ovários . Um dos aspectos mais visíveis e conhecidos dessa fase são as ondas de calor, principalmente na região superior do tronco. Entretanto, a pele, os cabelos e as unhas também sofrem com as mudanças hormonais acarretadas pela menopausa.

Na pele

Na pele

A menopausa acontece depois da última menstruação - geralmente entre os 45 e 50 anos. Nessa época, a pele já experimenta as consequências do envelhecimento natural da mulher. Entretanto, a menopausa pode deixar a pele ainda mais ressecada e sem viço, por causa da perda de colágeno, comum principalmente durante o climatério. Por isso, é possível perceber perda em elasticidade e tônus, ou seja, a pele se torna mais fina e até mesmo mais frágil, muitas vezes sensível, também. Quando a mulher teve acne durante a puberdade, o aumento da produção de androgênio pode acarretar o retorno desse quadro durante a menopausa.

Com o passar dos anos, a lubrificação do couro cabelo também diminui e é um processo natural. Porém, a aparência dos fios pode parecer ressecada e difícil de combater. Nesse caso, é ideal ter os produtos corretos para restaurar a hidratação de forma saudável e eficaz. Um hidratante muito espesso pode deixar um cabelo fino com aspecto pesado e oleoso, por exemplo. O auxílio de um profissional é ideal para medir os danos e proporcionar o tratamento correto. Outra consequência comum dessa fase é a diminuição na produção de melanina , o que traz os (muitas vezes temidos) cabelos brancos.

Nas unha

O estrogênio, hormônio que tem produção reduzida durante a menopausa , também é responsável por regular e reter a água no corpo. Com a sua baixa produção, algumas partes do corpo podem ficar desidratadas, como é o caso das unhas. Nessa fase, elas podem ficar fracas e quebradiças. Neste caso, é importante procurar uma alimentação equilibrada e manter as unhas hidratadas. A fraqueza nas unhas também pode ser um sintoma de deficiência de vitaminas como a B12. Por isso, é imprescindível procurar orientação médica.

Nas unhas

A menopausa é um período delicado na vida da mulher. Terapias hormonais podem amenizar os sintomas, mas devem ser feitas com acompanhamento médico. Qualquer medicação - até mesmo suplementação de vitaminas - deve ser feita com orientação médica. Conte com o Instituto Dermatológico de Curitiba para preparar seu corpo para esse período. Estamos com você.

Home Blog Dicas

CUIDADOS COM O VERÃO: DICAS DE BELEZA QUE VÃO ALÉM DO FILTRO SOLAR

Postado em: 19 de dezembro

A estação mais quente do ano está chegando e você deve estar cansada de saber que é preciso reforçar o uso de protetor solar. O protetor além de proteger a pele das radiações UVA e UVB, previne manchas, envelhecimento precoce e até mesmo câncer de pele. Mas e aqueles cuidados (super importantes) que...

continue lendo

A estação mais quente do ano está chegando e você deve estar cansada de saber que é preciso reforçar o uso de protetor solar. O protetor além de proteger a pele das radiações UVA e UVB, previne manchas, envelhecimento precoce e até mesmo câncer de pele. Mas e aqueles cuidados (super importantes) que a gente acaba esquecendo no dia a dia?

DIMINUIA GORDURAS E FRITURAS

Apesar de irresistíveis durante a época de férias ou na beira da piscina, recomanda-se evitar alimentos como batata frita, refrigerante e salgadinhos, visto que podem afetar a circulação do sangue e deixar a pele oleosa, abrindo espaço para cravos e espinhas.

Mas não se preocupe, caso você venha a ter problemas com oleosidade na pele, recorra a uma Limpeza de Pele para continuar curtindo as férias da melhor forma.

CUIDE DOS CABELOS

Os fios também sofrem durante o verão e precisam de cuidados específicos para ficarem bonitos e saudáveis. É recomendado utilizar um chapéu ao caminhar em áreas descobertas ou com muita incidência solar, visto que o couro cabeludo também precisa de proteção e pode descamar devido a ressecação.

CUIDADOS COM O VERÃO: DICAS DE BELEZA QUE VÃO ALÉM DO FILTRO SOLAR

E por falar em cabelo, evite tomar banhos muito quentes durante o verão uma vez que a alta tempratura pode causar ressecamento e descamação no couro cabeludo, o ideal é tomar banho com a água morna. Mas caso algum problema como ressecamento e descamação acometa os fios ou couro cabeludo, recomenda-se procurar um dermatologista para realizar um Tratamento Capilar e recuperar a saúde dos fios.

E por fim, nós do Instituto Dermatológico de Curitiba desejamos um ótimo Natal e Ano Novo a todos que acompanham nossos conteúdos. Aproveitem esse período de férias da melhor forma e nos vemos em 2019

Home Blog Dicas

ESTÉTICA RÁPIDA PARA ARRASAR NO REVEILLON

Postado em: 12 de dezembro

Fim de ano chegou e com ele a tão esperada reta final com as comemorações de natal e ano novo. Além do bem-estar, as pessoas também querem se sentir bonitas e saudáveis nessa época, por isso separamos algumas dicas de tratamentos estéticos com efeitos rápidos para você arrasar no Reveillon. Confira:...

continue lendo

Fim de ano chegou e com ele a tão esperada reta final com as comemorações de natal e ano novo. Além do bem-estar, as pessoas também querem se sentir bonitas e saudáveis nessa época, por isso separamos algumas dicas de tratamentos estéticos com efeitos rápidos para você arrasar no Reveillon. Confira:

Hidratação Facial:

A hidratação facial é o tratamento ideal para recuperar a elasticidade, luminosidade e revitalização da derme, evitando o surgimento de rugas e flexibilidade. Apesar de ser recomendado a realização períodica da hidratação facial, a melhora na saúde da pele é evidente nas primeiras sessões, ideal para quem quer estar com a pele uniforme e brilhante no ano novo.

Estética rápida para o reveillon

Botox:

A toxina botulínica ou Botox, como é mais conhecida, é uma das formas mais eficazes de conquistar uma aparência mais jovem e relaxada. Ela é minimamente invasiva e é aplicada em pontos específicos nas rugas dinâmicas (testa, sobrancelhas e pés de galinha).

Entre em contato conosco através do site ou agende uma avaliação médica com nossa equipe especialista em dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia pelo telefone (41) 3342-8484.

Quer ler mais sobre o assunto? Dê uma olhada nas indicações abaixo:

Hidratação Facial: Elasticidade e Revitalização

Pele mais lisa e iluminada através do peeling de carbono

Home Blog Corpo

Redução de Medidas e Inchaço

Postado em: 22 de janeiro

O ganho de medidas e o ganho de peso, não estão necessariamente ligados ao ganho de gordura. Por isso, é importante manter um acompanhamento profissional que possa levantar os ganhos hídricos (retenção de água), a porcentagem de massa muscular e a quantidade de gordura do corpo, pois estar informaçõ...

continue lendo

O ganho de medidas e o ganho de peso, não estão necessariamente ligados ao ganho de gordura. Por isso, é importante manter um acompanhamento profissional que possa levantar os ganhos hídricos (retenção de água), a porcentagem de massa muscular e a quantidade de gordura do corpo, pois estar informações não são possíveis de medir através da balança comum.

É importante lembrar que a principal responsável pelo ganho rápido de medida ou de peso é a retenção de líquidos. Por este motivo o ideal é acompanhar seu peso sempre em um mesmo horário e no mesmo aparelho, para não se assustar, pois ao acordar e ainda em jejum, é natural estar mais leve que no fim do dia em que o corpo além de cansado está mais inchado.

Alguns fatores patológicos também podem colaborar com o inchaço, bem como a gravidez, que além dos fatores normais que acarretam o acúmulo de líquido, tem o agravante hormonal e o peso do bebê e das medidas abdominais que recaem sobre os grandes vasos da pelve, prejudicando a circulação dos membros inferiores.

Para reduzir a retenção de água comum no corpo, que não esteja relacionada a um dos fatores citados no parágrafo à cima, é importante manter uma dieta balanceada, rica em alimentos dietéticos e antioxidantes, como frutas cítricas e vermelhas, gengibre, açafrão e castanhas. Além da ingestão superior a 2 litros de água, a prática de exercícios que estimulem a circulação sanguínea e o uso de meias de compressão. No caso de inchaço por doença ou gravidez, os cuidados devem ser indicados por um médico.

Além disso, existem técnicas manuais como a massagem modeladora e a drenagem linfática que estimulam o sistema linfático e a circulação sanguínea e por consequência eliminam ou reduzem a retenção de líquidos, reduzindo medidas. Se você deseja conversar com um profissional para avaliar sua estética corporal e agendar sessões do procedimento mais indicado para o seu caso, entre em contato com o IDC.

Home Blog Dicas

4 dicas para evitar os danos da chapinha

Postado em: 22 de dezembro

Se tem uma parte do corpo que toda mulher tem apreço, esta parte é o seu cabelo. Seja longo, curto, liso, crespo ou cacheado: cada uma tem o seu e faz o que for preciso para mantê-lo bonito e saudávelIndependente do tipo do cabelo, o desejo de transformar o visual é sempre recorrente entre as mulher...

continue lendo

Se tem uma parte do corpo que toda mulher tem apreço, esta parte é o seu cabelo. Seja longo, curto, liso, crespo ou cacheado: cada uma tem o seu e faz o que for preciso para mantê-lo bonito e saudável

Independente do tipo do cabelo, o desejo de transformar o visual é sempre recorrente entre as mulheres. Seja com um modelador de cachos ou chapinha, para mudar é preciso submeter os fios a altas temperaturas. A chapinha é uma das melhores companhias das mulheres, nos salões de beleza elas também são usadas para finalização de tratamentos. O problema é que existem mulheres que não saem de casa sem submeter-se a chapinha, mas a maioria delas nem imagina o quanto este hábito é nocivo para a saúde capilar.

Acontece que o processo, quando repetido com muita frequência e sem o devido cuidado, resulta em graves dados nas madeixas, que acabam comprometendo a autoestima da mulher.

Não use com os fios molhados

Sabe aquele barulho de alimento sendo frito dentro de uma frigideira? Pois é, este será o mesmo som que você irá ouvir caso tente alisar os fios enquanto eles ainda estejam molhados. Como se não bastaste o barulho angustiante, o seu cabelo vai fritar (literalmente) e as fibras capilares serão destruídas.

Evite os modelos de prancha de metal

Durante o processo de alisamento das madeixas, a chapinha atinge altas temperaturas, que podem ultrapassar os 200°C. As pranchas precisam do calor para alisar os fios, mas você precisa levar em consideração a segurança que cada equipamento proporciona. As chapinhas mais baratas, geralmente usam metal na área de aderência com os fios, mas isso é terminantemente perigoso: o metal esquenta muito rápido e danifica os fios. Os modelos que usam cerâmica esquentam gradativamente e conduzem o calor de forma mais equilibrada.


Use protetores térmicos

Mesmo que a sua chapinha seja mais segura, de cerâmica ou tenha várias tecnologias para proteção dos fios embarcadas, ela ainda não será 100% segura para alisar os fios sem prejudicá-los a longo prazo.

Para proteger efetivamente as madeixas das altas temperaturas é preciso criar uma espécie de película protetora, para que as fibras capilares sejam isoladas do calor excessivo. Isso só é possível com a aplicação de protetores térmicos, que precisaram ser aplicados em todo comprimento do cabelo antes do processo de alisamento com a chapinha.

Diminua a frequência

O ideal é que a chapinha seja usada no máximo três vezes por semana. Se for possível, crie intervalos entre os dias, desta maneira você conseguirá aproveitar o efeito liso no dia seguinte (já que a lavagem diária do cabelo não é recomendada). Sempre que for repetir o processo, lave o cabelo e seque-o parcialmente antes de passar a prancha novamente. Usar a chapinha com o cabelo sujo não é interessante, já que este hábito pode potencializar a oleosidade dos fios.

Aproveite que você se interessou pela saúde do seu cabelo e agende uma avaliação capilar com os profissionais do IDC.